Amazônia, ultimato!

Venho estrear minha participação no CERES com esse artigo que eu considero complexo, porém extremamente urgente. Meu receio era de “chover no molhado”, já que o mundo todo vem acompanhando o que tem acontecido nos últimos meses com a Amazônia batendo recorde de queimadas e tendo maior número de focos desde 2007; territórios indígenas sendo…

Leia mais

Carreira de Relações Internacionais: novos e velhos desafios

Da primeira publicação especializada, a Revista Brasileira de Política Internacional (RBPI), criada em 1954, e do primeiro curso de Relações Internacionais da Universidade de Brasília (UnB), criado em 1974, até a consolidação de Relações Internacionais como profissão em 2020, a carreira passou e segue passando por desafios. Para uma profissão em construção, além das incertezas…

Leia mais

Por quê a direita deveria fortalecer os organismos internacionais?

Historicamente, a esquerda tem uma maior propensão a refletir a sociedade e a economia para além de suas fronteiras físicas, mas isso não quer dizer que ela detenha o monopólio do pensamento transnacional. Para não retroagir muito sem necessidade, o corte temporal será o século XX, que já possuía um cenário de sufrágio universal, outros tipos de economia para além da indústria já eram realidade, as democracias liberais e a social democracia já existiam, e a velha tensão entre capital e força de trabalho que continuou a orientar a direita e a esquerda.

Leia mais

Geopolítica: a vingança de Confúcio e os novos Soberanos

Por Orivaldo Nunes Jr. Resumo: Dois blocos econômicos vinham se formando no planeta Terra após a extinção da União Soviética e o fim da Guerra Fria em 1991, com a ascensão da China tecnológica. Em 2001 os EUA tentaram retomar sua maquinaria de guerra permanente com o falso ataque às Torres Gêmeas, instaurando o inimigo…

Leia mais

O conflituoso século XXI: Do Y2K a Internet Soberana Russa. Admirável mundo novo ou transformação da ordem mundial?

Edson José de Araujo1   1 – INTRODUÇÃO Desde que o conceito de cibernética foi estabelecido pelo matemático norte-americano, Norbert Wiener (1894-1964) na década de 1940, o termo ficou cunhado como uma revolução que não ficou restrita ao plano tecnológico dos computadores de grande performance ou das máquinas que imitam o comportamento dos seres vivos,…

Leia mais

As flutuações da Política Externa brasileira: O momento atual

By: Victor José Portella Checchia Da República Velha (1889-1930) aos dias atuais, o Brasil conduz sua política externa em consonância aos preceitos que regem o cenário global, em que as inserções do país na política e economia internacional oscilam entre um período que se pode chamar de “pendular”, na década de 30, durante o nacional-desenvolvimentismo…

Leia mais

Primavera Latina: Evolução ou consequência de um projeto geopolítico?

Há quase 10 anos atrás a CEPAL (Comissão Econômica para América Latina e Caribe) anunciava o crescimento da região em meio a um mundo conturbado devido aos efeitos da Crise Financeira Internacional e da redução dos preços das commodities. As maiores taxas de crescimento em 2010 se concentravam na América do Sul, encabeçadas pela economia…

Leia mais